fit cultural

Fit cultural: exemplos de perguntas e como avaliar os candidatos

Equipe TOTVS | RECURSOS HUMANOS | 28 fevereiro, 2022

Se você participou ou promoveu algum processo seletivo nos últimos anos, com certeza ouviu falar em fit cultural.

Esse termo, tão presente nos processos seletivos atuais, é um reflexo da mudança de pensamento das empresas e dos profissionais no mercado.

A necessidade de ter um profissional que se identifica com os valores e objetivos do negócio mostra a importância de avaliar muito mais do que requisitos técnicos e experiências profissionais dentro de um processo seletivo.

Por isso, se você deseja reduzir a taxa de rotatividade e manter o seu time motivado, é fundamental conhecer as vantagens de avaliar os candidatos pelo fit cultural. Continue a leitura!

O que é fit cultural?

Fit cultural é um termo usado para destacar o quanto uma pessoa se identifica ou é capaz de se adaptar aos valores e propósitos de uma empresa. 

Quando um recrutador diz que um candidato tem fit cultural, significa que o profissional possui um perfil que vai conseguir se encaixar na empresa, por se identificar com a cultura interna.

A palavra “fit”, do inglês, significa algo como encaixe, ajuste ou adaptação. 

Ou seja, o fit cultural nada mais é do que o “encaixe de cultura”.

O fit cultural pode ser aplicado para avaliar diversos aspectos e interesses do candidato, como competências técnicas, perfil comportamental, performance e alinhamento com a cultura da empresa.

Quanto maior a identificação com a empresa, seja pelos hábitos, crenças ou valores compartilhados, maiores as chances desse candidato permanecer motivado, feliz e gerando resultados cada vez melhores.

Qual a importância do fit cultural?

fit cultural

O fit cultural é importante pois por meio dele é possível ter maior precisão nas contratações.

Além de exigir muita dedicação de tempo de profissionais de RH, contratações equivocadas e rotatividade alta impactam financeiramente a empresa.

Com a avaliação do fit cultural, os recrutadores conseguem aumentar as chances de uma contratação ser bem-sucedida, pois nesse tipo de processo seletivo o RH não se volta apenas para requisitos técnicos e experiências.

Afinal, muitas vezes a frustração e falta de motivação pode vir da falta de afinidade e alinhamento com a cultura da empresa.

Nesse sentido, o fit cultural também é fundamental para os profissionais. Assim, o candidato também consegue entender como será o seu dia a dia na empresa, o que a equipe espera dele em termos de performance, comportamento e habilidades.

Ambos os lados são beneficiados, pois conseguem filtrar já na etapa de entrevistas e testes se a contratação realmente vai funcionar no longo prazo.

Em resumo, os principais benefícios para a empresa são aumento de desempenho, produtividade, retenção de colaboradores e envolvimento dos funcionários.

Como definir os valores do fit cultural da empresa?

Os valores do fit cultural da empresa devem estar alinhados à cultura interna.

Para isso, a empresa deve definir com clareza suas crenças, princípios e fundamentos que os colaboradores precisam seguir para que, coletivamente, um bom ambiente de trabalho seja construído e mantido.

Nesse conjunto de crenças, hábitos e valores, pode-se destacar aspectos objetivos, como maneira de se vestir, flexibilidade de horário e autonomia na gestão de tarefas, mas também aspectos mais subjetivos, como forma de agir e pensar dentro da empresa.

Normalmente, os valores compartilhados partem do que os fundadores e donos da empresa determinam e acreditam como prioridade para o espaço de trabalho.

No entanto, na medida em que a empresa cresce, esses valores podem ser avaliados e transformados visando ao bem-estar de todos.

Se eles são colocados para o profissional no momento de contratação, é mais fácil de manter essa cultura organizacional forte, pois apenas os talentos que se identificam com esses valores se mostraram interessados na oportunidade.

Saiba como analisar o fit cultural de candidatos

A análise do fit cultural não é uma etapa isolada no processo seletivo. Da avaliação de currículos até as entrevistas finais, o RH deve estar de olho para entender se os candidatos realmente vão se sentir motivados e realizados na empresa, e vice-versa.

No entanto, algumas dicas que podem ajudar a filtrar os candidatos ideais incluem estratégias como dinâmicas de grupo, avaliação do histórico profissional e o próprio teste de fit cultural, com questionários específicos. Veja:

Desenvolva dinâmicas em grupo

Aplicar dinâmicas de grupo é uma boa forma de verificar o fit cultural dos candidatos, pois nessa situação, normalmente, os profissionais são colocados fora de sua zona de conforto.

Por isso, a dinâmica pode ser interessante para avaliar como o candidato reage em situações que exigem criatividade, flexibilidade e tomada de decisões em simulações de problemas e desafios do seu dia a dia na nova empresa.

Avalie o histórico de trabalho dos profissionais

Olhar para as experiências anteriores do candidato também é uma boa metodologia para conferir se ele tem fit cultural com a empresa.

Nessa avaliação, o recrutador pode buscar entender se ele está vindo de empresas com uma cultura muito diferente ou até mesmo conferir qual o tempo de trabalho em cada experiência.

Se o profissional tem alguma empresa em que passou muito pouco tempo em relação às outras experiências, o RH pode perguntar para entender se houve algum problema de fit cultural, por exemplo.

Aplique um teste de fit cultural

Aplicar um teste de fit cultural é uma das melhores formas de avaliar se o candidato está realmente alinhado à cultura interna da empresa.

Uma das grandes vantagens do teste é que não é necessário investimento de grandes recursos ou de uma estrutura robusta.

Até mesmo equipes pequenas de recursos humanos podem implementar essa estratégia.

Nessa etapa, o recrutador basicamente separa algumas perguntas que vão revelar as características importantes que o profissional deve apresentar e os pontos negativos e positivos que mostrarão se ele realmente vai se encaixar dentro da nova equipe.

Esse teste pode ser aplicado presencialmente ou em alguma etapa online do processo seletivo.

Exemplos de perguntas para fazer na entrevista de fit cultural

Definir e praticar no dia a dia a cultura organizacional de uma empresa não é uma tarefa simples, mas é a partir dessa decisão estratégica que é possível pensar em diretrizes mais concretas de avaliação do fit cultural.

Não existe apenas uma forma de avaliação desse fit, mas um dos caminhos mais utilizados para análise dos candidatos são as perguntas durante o processo seletivo.

Realizando as perguntas certas, você, como recrutador, terá as respostas que precisa para avaliar o perfil de cada candidato e entender qual está mais próximo do que a empresa espera.

Veja algumas dicas de perguntas para fazer durante as entrevistas para fazer de acordo com o que se pretende avaliar no candidato.

Para entender as competências que o profissional possui

Nas perguntas de fit cultural para avaliar as competências, a empresa consegue analisar aptidões e qualidades dos candidatos que não podem ser compreendidas apenas pelo currículo.

Com esse teste, é possível conhecer com maior profundidade as habilidades, atitudes e conhecimentos do profissional. Veja exemplos:

  • Como o seu trabalho pode ajudar a empresa a atingir seus objetivos e metas?
  • Como você acredita que a comunicação pode ser feita para melhorar o trabalho em equipe na empresa?
  • Se você fosse ensinar alguma coisa para mim ou para a equipe de que fará parte, o que seria?
  • Para você, o que é ser bem-sucedido ou ter sucesso no trabalho?

Também é possível elaborar perguntas específicas para avaliação de competências como liderança, flexibilidade, criatividade, gestão de tempo e foco em resultados:

Liderança

  • Você já conduziu algum projeto que contava com a participação de duas ou mais áreas da empresa? Quais foram os resultados e como foi a experiência?
  • Você já participou de alguma reunião em que precisou se posicionar?
  • Como é para você se comunicar com outras equipes?
  • Você já precisou realizar uma entrega que dependia da entrega do time que fazia parte? 
  • Como você motiva as pessoas para a entrega de resultados?
  • Já precisou lidar com a cobrança de prazos de profissionais de sua equipe?
  • Como é para você dar e receber feedbacks?

Flexibilidade 

  • Já viveu alguma experiência em que precisou mudar de ideia ou de processo de forma repentina?
  • Conte sobre algum momento em que precisou assumir a responsabilidade ou liderança de alguma tarefa ou projeto que não fazia parte da sua rotina de trabalho. Como foi a experiência?
  • Como você lida com mudanças? Se possível, trazer exemplos dentro de experiências profissionais anteriores.

Criatividade 

  • Conte uma situação em que você precisou resolver um problema de forma criativa.
  • Você já precisou lidar com uma situação em que não tinha todos os recursos ou ferramentas para executar uma atividade? Qual foi a solução encontrada?

Gestão de tempo 

  • Já precisou resolver várias situações importantes no mesmo dia. Como foi a organização?
  • Como você organiza suas prioridades na vida pessoal?
  • Como você gerencia as tarefas ao longo do dia?

Foco em resultados

  • Conte sobre os últimos projetos ou objetivos que conseguiu realizar.
  • Como você trabalhou para alcançar os resultados desses projetos?
  • Como você analisa suas metas de curto, médio e longo prazos?
  • Dê exemplos de como você estabelece seu plano de ação para atingir suas metas.

Para compreender o perfil comportamental do candidato

Por fim, é importante separar um tempo do teste de fit cultural para avaliar o perfil comportamental dos candidatos. 

Nessa etapa, elabore questões para entender como é esse profissional no ambiente de trabalho, seus valores, desejos, necessidades e como seria o ambiente de trabalho ideal.

Veja alguns exemplos para se inspirar:

  • Você prefere trabalhar em ambientes de trabalhos mais calmos ou agitados?
  • Como você enxerga sua carreira profissional daqui a um ano?
  • Como é para você negociar novos prazos? Prefere a tentativa de entregar na data certa, com menos foco em qualidade, ou atrasar para entregar o melhor resultado?
  • Como é para você trabalhar em equipe?
  • Em um cenário em que você precisa administrar diversas demandas, como se organiza na hora de priorizar os projetos?
  • Já houve alguma situação em que precisou discordar de algum colega de trabalho? Como foi essa experiência?
  • O que os seus ex-colegas de trabalho e líderes diriam sobre você?
  • O que faria você abandonar um emprego?
  • Qual seria o ambiente de trabalho ideal para você se sentir feliz, produtivo e motivado?
  • Como você gosta de ser gerenciado?
  • Fora do ambiente de trabalho, quais são seus hobbies e interesses?

Para conhecer a performance do candidato em experiências anteriores

As perguntas para analisar performance avaliam as experiências profissionais anteriores e os resultados alcançados.

Dentro dessas perguntas, também é possível entender mais sobre o perfil profissional e comportamental do candidato.

  • Cite algum exemplo de um momento em que você surpreendeu as expectativas sobre suas entregas.
  • Comente algum erro que você já comentou ao longo de sua vida profissional e como lidou com ele. Qual foi o aprendizado da situação?
  • Como você costuma lidar com imprevistos e mudanças de prioridade?
  • Comente sobre algum projeto que ajudou a desenvolver ou que esteve presente e quais foram os resultados.
  • Você lembra de alguma ação, curso, especialização ou estratégia que utilizou para se desenvolver como profissional que ajudou sua empresa ou equipe a ter melhores resultados?
  • Qual foi a maior conquista ou história de sucesso de sua carreira, até então?
  • Como você lida com metas?

Conheça as soluções da Eleve

Além de contar com uma equipe de sucesso, com profissionais alinhados à cultura da empresa, também é fundamental apostar em ferramentas que vão otimizar a gestão do negócio.

Com o Eleve Gestão, você, empreendedor, consegue economizar tempo e recursos financeiros por meio de uma solução completa.

Veja como o Eleve Gestão pode te ajudar a vender mais, além de auxiliar na otimização da gestão de estoque, logística, processos administrativos e financeiros.
Nova call to action

Conclusão

Como vimos, o fit cultural é uma das melhores formas de encontrar os talentos perfeitos para as oportunidades da sua empresa.

Com essa avaliação, que pode ser facilmente aplicada no processo seletivo, é possível reduzir a taxa de rotatividade e aumentar a retenção de talentos.

Quando os colaboradores se identificam com os valores da empresa, é muito mais fácil mantê-los felizes e motivados para alcançar os da empresa.

Agora que você já sabe como avaliar o fit cultural dos candidatos, continue aprendendo mais sobre recursos humanos em nosso blog.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.